Luiz Henrique Ramos estreia coluna no LLS com poema “dormente”


Aos 21 anos, Luiz Henrique Ramos quer se emocionar e emocionar com "Tenho uma página uma branca"

Luiz Henrique Ramos publicará no Livro Leve Solto a cada duas semanas, sempre aos sábados.        Foto: Pé de Letra/Divulgação

Se você estava de ressaca no dia 1º de janeiro, provavelmente, não viu o anúncio das primeiras colunas fixas de colaboradores do Livro Leve Solto. Às quintas-feiras, o blog publicará textos de Eduardo Vieira (leia o poema de estreia aqui) e, aos sábados, a cada duas semanas, as criações de Luiz Henrique Ramos.

Neste 03 de janeiro, Luiz Henrique, autor do recém lançado livro tenho uma página em branco, apresenta o poema dormente – tudo em letras minúsculas mesmo, uma marca registrada de sua produção poética. Confira:

não me sinto
não me sou
e me vou
voando
dormente
mas em dor
que mente
que minto
que dor mente
Lembrete: a criação das colunas fixas não significa o fim da seção Autoral nem exclui a possibilidade de colaborações periódicas. Se você tem uma sugestão de post ou quer ter algum texto publicado aqui no blog, é só falar, na caixa de comentários ou pelas nossas redes sociais (Facebook e Twitter).
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s