Faltam 4 dias: aprenda a cantar “Me segura que senão eu caio”


Foto: Prefeitura de Olinda/Divulgação

Foto: Prefeitura de Olinda/Divulgação

Dando sequência à contagem regressiva mais didática do carnaval pernambucano (veja o primeiro post aqui), o Livro Leve Solto traz, nesta terça-feira (10), a letra do frevo Me segura que senão eu caio, de Alceu Valença. A música, conhecida de todo mundo que já brincou nas ruas do Recife e nas ladeiras de Olinda, tem um início frenético, com uma sucessão de versos rápidos que pouca gente sabe cantar. Confira:

Nos quatro cantos, cheguei
E todo mundo chegou
Descendo ladeira
Fazendo poeira
Atiçando o calor
.
E na mistura colorida da massa
Fui bater na praça a todo vapor
Descambei, passando pelos bares
Cheirei a menina e voei pelos ares
No pique do frevo caí como um raio
Me segura que senão eu caio
Me segura que senão eu caio.

Acompanhe o blog! Até sexta-feira (13), publicaremos as letras de mais três frevos que (quase) todo mundo canta errado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s