desconstrução: estelite-se | Por Luiz Henrique Ramos


enquanto cais

outros se levantam mais alto que arranha-céus
do alto do ego de suas coberturas
vão continuar te olhando
de cima pra baixo

entre a direita e esquerda
amputam tua dignidade
às tuas custas
e pelas tuas costas, mané

vem te ver fazendo nada daqui
enquanto, tijolo por tijolo,
constroem um desenho ilógico
em que nem mesmo apareces

vem!

que, enquanto és pacote tímido,
teus olhos serão só cimento e lágrimas
pela paz derradeira que enfim vai nos redimir,
estelite-se

Luiz Henrique Ramos tem 21 anos, é recifense e assina uma coluna quinzenal no Livro Leve Solto, aos sábados.

*Excepcionalmente, a coluna foi publicada no domingo (26), e não no sábado (25), devido à coincidência com a data do novo ato do movimento Ocupe Estelita, no Cais José Estelita.  O colunista Luiz Henrique Ramos, assim como o autor do Livro Leve Solto, Tiago Cisneiros, posiciona-se contra o Novo Recife, as ligações promíscuas entre o público e o privado, o desrespeito à participação popular e a gestão voltada para o interesse de poucos.

#OcupeEstelita #ResisteEstelita

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s